Relaxa

21 abr

Relaxa, está tudo bem.

Agora eu só choro depois das 16h.

Mais um

20 mar

Eu daria tudo por mais um sorriso seu. Mais uma risada, mais um carinho tão delicado sobre minha pele. Eu daria o mundo pra ser paz de novo.

Não é loucura se você sabe que está louco

20 mar

Agora eu falo sozinha. Finjo que você está me ouvindo. E falo. Acho que falo mais do que eu falava com você realmente. E eu falo, falo, falo. Te conto meu dia, desabafo os desaforos, faço alguma piada idiota e pergunto do seu. E é aí que eu acho que pirei, porque eu ouço você me contar do trabalho, no seu trajeto pra casa, com aquela voz de cansaço, mas se esforçando pra demonstrar o máximo de amor possível por mim. E me despeço de você, te desejo boa noite e no dia seguinte, bom dia. E assim sigo os dias. Sozinha, fingindo não estar.

Leve

19 mar

Seu corpo tinha o peso ideal para os meus braços. Qualquer peso que seu corpo tivesse, seria ideal para os meus braços.

O seu caderno

19 mar

Não escrevi nossa história. Não vivi nossa história.

Será que te devolvo todas essas páginas em branco ou a gente espera um pouco mais?

No espelho

19 mar

Você já fazia parte do meu reflexo. Eu me olhava e via você por entre as letras do batom que você sempre passava sem que eu pudesse admirar. Saudades. Da sua letra, do meu reflexo, do seu batom.

Vida

19 mar

Sem freio e sem motorista. Sigo a estrada sem saber se esbarro no carro do lado ou me choco contra o poste.