Anjo

23 abr

Prepotente sim, mas eu explico. Eu penso às vezes que sou um anjo, um sem asas e que está encarnado nessa vida medíocre de brasileira, carregada de pecados e com alguma missão.
Já fiz tanta merda na vida que agora você me questiona, mas que ousadia dizer que é um anjo! Digo, então, o erro também é nobre, ou você pensa que foi um acerto Deus ter feito a mulher? Agora que você se tocou da sexualidade, pergunta-me então sobre a minha. Anjo não tem sexo! Ah, pois tem sim. Anjos e anjas fazem anjinhos.

[engraçado, nem o Word reconhece a palavra “anja”, quanto menosprezo.]

Continuando com minhas explicações, eu sou um anjo (falarei anjo para não polemizar sobre a sexualidade).

Os anjos são seres celestiais, dotados de grande generosidade de espírito altruísta, utilizam as imperfeições humanas para cumprir seu papel principal, que é o de colocar a humanidade em contato com as esferas superiores. Livres por natureza, escolhem nos acompanhar por toda a vida como fiéis seguidores. Como um servo abnegado, nosso anjo da guarda nos protege iluminando nossos caminhos, mesmo que muitas vezes participe no filme das nossas vidas apenas como um coadjuvante quase esquecido. Apesar da sua grande perfeição, por serem espíritos puros, os anjos são seres criados e, portanto, diferentes de Deus, que é o Espírito Criador a quem servem. (…) A sua perfeição e beleza, sendo imensa, é um débil reflexo da infinita perfeição e beleza de Deus. (…) Os anjos não estão sujeitos ao tempo, ao espaço ou a qualquer fenômeno físico. Não podem decompor-se ou corromper-se, e são portanto imortais.”

 

Vim para realizar algo maior que o natural, quebrar as regras celestiais e fazer desse atrevimento um bem enorme à humanidade, bom, pelo menos é isso que acho que vim fazer, eu só sei que sou um anjo, a minha missão ainda não descobri, mas creio eu que seja algo nesse nível.

Enfim, isso não é de todo importante, a missão é o de menos, o importante é saber que sou um anjo. Reconheço meus defeitos, reconheço meu lado humano e vil, porém sinto necessidade de exterior meu lado divino, em que choro pela humanidade, em que morro por todos todo santo dia (santo? Nem tanto, no mundo de hoje, mas vá lá), em que sinto cada dor, cada alegria e cada amor. Sou anjo, pois não consigo (nem quero) me ver apenas como um humano, essa raça repugnante que não conhece a fraternidade, a cooperação e que faz da felicidade e paz um discurso utópico.

2 Respostas para “Anjo”

  1. MissCook abril 23, 2007 às 4:04 am #

    Um adjetivo para comentar o texto: sublime.

    E eu tenho CERTEZA de que você é um anjo sim! Pelo menos a mim você tem ajudado demais da conta! E de um jeito que só sendo anjo mesmo…

  2. Babi abril 24, 2007 às 2:22 am #

    Anjo,amiga,uma fooofa…vc é realmente importante pra mim!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s