Ao Tom.

26 fev

Como é áspero nosso amor. Ah sim, muito áspero.
Mas… Há textura que arrepie mais?

3 Respostas to “Ao Tom.”

  1. MissCook fevereiro 26, 2008 às 1:27 am #

    a da pluma? =X

  2. Cacá fevereiro 26, 2008 às 6:33 pm #

    arranha tbm, né? não q seja exatamente ruim: havendo equilíbrio… ;)

  3. tom fevereiro 26, 2008 às 8:54 pm #

    absurdamente FOFA!
    o que era pra ser somente um “asperamente” virou um “ao tom”. ;*

    Mas né? A asperidade por muitas vezes é mais interessante do que a suavidade!

    Mudanças e movimentos bruscos é que fazem as necessidades se criarem. Portanto vivamos nossa asperidade e deixe minha necessidade de ti ir se inventando sozinha. :D

    *hAIUSHEuHASIUeASE. Meu eu lírico deu 9 tiros de .40 na minha personalidade dominante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s