Concordância

22 jun

Sem ti eu era sujeito sem verbo.
Me sujeitei a você
e ganhei o verbo amar.

O que antes era falta de léxico
agora é sintaxe certa.
Ficou fácil verbalizar.

5 Respostas para “Concordância”

  1. Tainá junho 23, 2008 às 1:31 pm #

    como eu acabei de te dizer, eu não sei escrever bonito…
    mas o que importa né?
    eu sinto, isso vale mais! :P

  2. ana luiza junho 24, 2008 às 7:51 pm #

    Dos recentes, o mais bonito!
    Gosto quando vc mistura e/ou relaciona seus sentimentos dessa forma.
    Fica doce.

    Beeeeeeijo!!!

  3. C. junho 25, 2008 às 12:01 pm #

    dos que eu mais gosto. aquela sacada com o tom certinho de poesia. lindo que só!

  4. Camilla Tebet junho 26, 2008 às 4:15 pm #

    que lindo. Verbalizou muito bem o processo de ganhar perder e amar. sempre na vantagem quando se consegue colocar em palavras assim. Pelo menos o estético fica belo. Já é a realidade será obra sua.
    Gostei daqui.

  5. paloma julho 1, 2008 às 11:29 pm #

    Se fazer poesia é mesmo dizer o máximo com o mínimo, você fez poesia máxima.
    Linda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s