Memórias

7 jan

Eu cheguei a pensar que havia mesmo contruído aquele muro. Ao meu ver parecia uma muralha, algo próximo daquela da China. Só que a minha era subjetiva demais pra ser ver do espaço. Além de não ser, nem subjetivamente, verdadeira. Fingia que estava escondida atrás desse muro. Lá eu estaria segura de você. Sabia que apesar das flores, havia no seu bolso uma granada aguardando o seu tempo de estourar.
Cheirei as rosas o quanto pude. Mas a bomba estourou, e foi ai que percebi a fragilidade do meu muro inventado. A imaginação não segura onda de sentimento, não protege os olhos da fumaça que cega e desnorteia.
Não senti nenhuma dor, era como se o próprio corpo nem existisse.

As flores resistiram à explosão. Só elas resistiram. Enquanto nós, nós terminamos nossa batalha ali. Cada um morreu por seus motivos ou falta de motivos. As razões não importam agora. Nós estamos em destroços e tudo o que fomos ou seriamos também.  Havia muito sobre nós e não sobrevivemos a tanto peso. É assim a guerra. É assim, fazer o quê.
Quanto às rosas, elas não exalam mais. Mas tenho o perfume na memória.
Porque na verdade foi só isso que restou, as lembranças.

Uma resposta para “Memórias”

  1. André Tanure janeiro 7, 2010 às 5:58 pm #

    Nossa, que tristeza a sua. Até se parece com a minha. Como é que pode essa contradição, o amor, sentimento sublime, e a guerra, o desamor e afins, frutos de pura ignorância humana…
    Deu até vontade de chorar.
    Parabéns pelos textos Erika, todos muito belos e principalmente sinceros.
    Porém não fique triste, o tempo apaga essas mágoas e apaga também a inquietação de não poder viver o melhor dos sentimentos. Até que tudo recomece…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s