Arquivo | agosto, 2010

Pra Ti

26 ago

Me enganaram desde cedo
disseram que o meu amor
apareceria com um laço no cabelo

Mas na verdade não é assim
ele veio meio louco,
segurando na mão um tamborim

Achei que não seria possível
que esse amor era tolice,
era só mais um sentimento perecível

Agora não consigo ficar nem um minuto
sem ouvir sua batucada,
sem sentir o “ti bum bum” do surdo

O meu amor ainda não sabe que o é
mas assim que ele dormir, der bobeira,
vou escrever meu nome no seu pé

Vou também colocar uma fitinha
bem presa no punho direito
vou escrever “é todinha minha”

Mas meu amor tá distante de mim
faz uma (longuíssima) semana que não o vejo
e pra dormir tô tendo até que tomar dramin

Essa saudade é o resultado
de você ter me deixado assim
com o coração tão,
tão mimado

[E apaixonado
por Ti.

Anúncios

Bora

26 ago

Pra Letícia.

Tá na hora,
bora pra Bora Bora!
Vão! Agora!
Te espero lá fora!

Sobre infância e bebedeira

25 ago

Assistir aos vídeos da nossa infância é a mesma coisa que assistir aos vídeos de uma festa em que bebemos muito: você sabe que ali é você, mas não se lembra de absolutamente nada.

Ou não

25 ago

Toda coincidência
é uma ilusão
um despisto pra
enganar o coração

ou não.

Sinto frio

16 ago

O vento intensifica o vazio,
balança pra lá e pra cá
a minha solidão

Sinto frio…
Tem uma blusa aí não?

Tempo, tempo, mano velho

15 ago

Deixa o tempo passar
deixa o tempo parar
deixa o tempo
deixa o tempo pra lá.

Brisa

10 ago

Quando eu me desespero
logo sinto seu cheiro.

É Deus soprando no meu coração
aquilo que me acalma
a alma.